Conheça o Rapid Fire

BNR-Rapid-Fire
Conheça o Rapid Fire,

Dicas, Review

111

Lançadas em 1990, as alavancas de mudança de marchas do tipo Rapid Fire revolucionaram o mercado mundial de bicicletas, substituindo o sistema de alavanca simples, conhecida por Thumbshifter  ou alavanca para acionar com o polegar. O sistema Rapid Fire é composto por dois conjuntos instalados próximo as manetes de freio no guidão e utiliza duas alavancas independentes que são acionadas pelos dedos polegar (subir marchas) e indicador (descer marchas), tornando a operação de troca das marcha descomplicada e segura, sem ter que largar as manoplas para fazer as mudanças, como é o caso do antigo thumbshifter.

Com esse sistema, o ciclista mantém sempre quatro dedos firmes na manopla, enquanto apenas um (polegar ou indicador) faz as trocas, evitando a perda de controle por estar apenas com uma mão no guidão na hora da troca.

Rapid Fire Empunhadura

Com 4 dedos na manopla é bem seguro fazer uma mudança de marcha com o polegar.

Para reduzir marchas no câmbio dianteiro (coroas), utilize o dedo indicador no Rapid Fire do lado esquerdo do guidão

Para reduzir marchas no câmbio dianteiro (coroas), utilize o dedo indicador no Rapid Fire do lado esquerdo do guidão

O Rapid Fire é um sistema indexado, ou seja cada “click” representa uma mudança de marcha precisa, tanto nas coroas (frente), quanto nos pinhões da catraca ou cassete (traseira), que foi outra inovação a partir de 1984 com a criação do sistema SIS – Shimano Index System.

Entenda as partes do Rapid Fire

Relógio Suíço

O mecanismo do Rapid Fire pode ser comparado a máquina de um relógio, dezenas de mini engrenagens e conjuntos de peças trabalhando harmoniosamente com a simples tarefa de puxar ou soltar alguns milímetros de cabo de aço, replicando a ação nos câmbios que efetivamente fazem a troca da marcha. Tive a oportunidade de desmontar um destes em 1991, e depois de remontá-lo, além de não funcionar, as peças que sobraram daria pra montar um pequeno robô, pois a engenharia da peça é bastante detalhada e complexa, mas há quem mexa, com paciência e um pouco de treino, é tão possível quanto montar e desmontar relógios.

Mesmo nos modelos de entrada como o Alivio, a quantidade de peças dentro do Rapid Fire é imensa

Mesmo nos modelos de entrada como o Alivio, a quantidade de peças dentro do Rapid Fire é imensa

Para todos os gostos e bolsos

Como nos demais componentes da Shimano, modelos mais simples realizam as mesmas tarefas dos mais sofisticados, porém o peso, tratamento térmico e acabamento são diferentes. Alavancas de entrada como o modelo Altus, podem ser compradas por 85 Reais em média, já a top de linha XTR (para competição) não sai por menos de 970 Reais.

Inicialmente lançadas para catracas ou cassetes de 7 velocidades, é possível encontra-las hoje com até 11 velocidades, que multiplicadas pelo número de coroas no pedivela, teremos muitas marchas para mudar de maneira rápida e segura graças a criatividade dos engenheiros japoneses.

Sofisticação no Rapid Fire

Compacto e sofisticado, o Rapid Fire Deore 2014 incorpora tecnologia de 24 anos de aperfeiçoamento, com ótimo custo benefício.

Cabo de freio

A entrada do cabo do câmbio fica protegida por uma tampa parafusada, evitando a entrada de água e poeira.

Se você nunca usou um Rapid Fire, peça para dar uma volta na bike de um amigo que tenha esses passadores de marcha, você vai se surpreender com a facilidade, agilidade, maciez e precisão nas trocas. Com certeza vai notar que não precisa ficar olhando para o câmbio tentando entender se a marcha entrou ou não, ou ainda movendo a alavanca de câmbio pra lá e pra cá tentando encaixar uma marcha, o Rapid Fire trabalha bem sincronizado com os câmbios e não te deixa em dúvida nem enroscado com as marchas da bike.

Bom pedal!

 

Tags:

Sobre o Autor

Edu Capivara é Delegado Internacional do Biketrial no Brasil desde 1991 e introdutor do esporte em meados da década de 80. É amigo pessoal de Pedro Pi, o inventor do Biketrial e de toda a cúpula da BIU (Biketrial International Union) . Profundo conhecedor do mundo da bike, começou suas aventuras em modalidades como o BMX e o Mountain Bike no início desses esportes no Brasil. Já participou de campeonatos mundiais de biketrial pelo mundo todo, inclusive do primeiro, em 1986 na Europa.

Comentários (111)

  1. Rafael Cantagalli

    Interessante a mecânica dessas peças que facilitam e muito o simples ato de passar marchas!
    Porém tenho uma dúvida, tenho uma bike que o passador fica integrado com o punho, e às vezes ele peca na precisão, e com isso gostaria de saber se eu teria uma eficiência trocando somente esse item no sistema, ou seja, trocando o passador de punho por um modelo “rapid fire” sem trocar as outras peças do sistema, como por exemplo o cassete, os trocadores, a corrente, terei um desempenho comprometido? Ou será necessário trocar todo o sistema com passador, trocador, cassete, corrente, coroa…

    Forte abraço!

    Responder
    • Edu Capivara

      Olá Rafael, tudo certo?
      A troca da alavanca de marchas “giratória” pelo sistema Rapid Fire funciona bem, mas será necessário avaliar a indexação das marchas (cada click correspondendo a uma troca perfeita).Isso funciona melhor quando todos os componentes são da mesma marca. O sistema indexado usa correntes mais flexíveis lateralmente, e as engrenagens do cassete, tem desenhos (rebaixos) que ajudam nos engates. Qual a marca e modelo dos seus componentes?
      Abraços!

      Responder
      • Domingos Filho

        Eu tenho os dois cambio da Yamada, se eu mudar o passador para “rapid fire” funcionara bem ?

        Responder
        • Edu Capivara

          Oi Domingos, os câmbios pode não ser problema, mas o sistema indexado do Rapidfire (1 click = a uma mudança) requer corrente, cassette e coroas indexadas (com desenho especial).
          Quando aciona o Rapidfire, ele puxa quantidades exatas de cabo de aço, e o câmbio e corrente acompanham essa medida, por isso não dá pra misturar componentes, todos devem ser para a quantidade de marchas da sua bike.
          Abraços;
          Edu Capivara

          Responder
  2. Eclésio Lopes

    Bom dia Edu!
    Na minha Bike o sistema e o Acera não é dos top mas me atende muito bem.
    To sempre ligado na suas dicas, continue sempre nos informando, pois sou do interior do Espirito Santo e aqui na minha cidade não temos mecânicos de Bike com conhecimento, parabéns por nos manter sempre informados.
    Minha Bike é uma Vzan Spix de entrada ta legal né?

    Responder
    • Edu Capivara

      Olá Eclésio, tudo bem por aí?
      Sua bike Vzan com Acera deve responder bem às suas necessidades, não é? Você faz alguma trilha ou anda só no asfalto?
      Obrigado por acompanhar nossas dicas, compartilhe com seus amigos ok?
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
      • Eclesio Lopes de Souza

        Tá respondendo bem! to andando mais no asfalto, mas de vez enquanto faço uma trilha;
        Assim que puder pretendo melhorar.
        Valeu !!!

        Responder
  3. marlon i. bernardo

    ola!uma duvida tenho um cambio traseiro deore shadow q compreis ha uns 2anos de 27v e trocadores deore de 27v e a cassete de 27v e corrente kmc index de 27v mas nao esta funcionando corretamente!ja troquei cabos, conduites e lubrifiquei eles, com o tempo de uso pode se perder funcionamento dos componentes?abç.

    Responder
    • Edu Capivara

      Olá Marlon, tudo certo?
      Procure encurtar os conduites dentro dos limites, esterçando bem para ambos os lados, e verifique se a gancheira de câmbio está torta. A perda da regularem não é muito comum, mas lama e corrente suja contribuem.
      Mantenha a gente informado, vamos descobrir o que está havendo.
      Abraços!
      Edu Capivara

      Responder
  4. Denilson Lima

    Olá, muito boas suas dicas e ficarei de agora em diante ligadão neles pois temos um bom grupo de pedais aqui no Es somos da estrada e precisamos muito de conhecedores assim como você.

    Responder
    • Fernando Campoi

      Opaaaa Denilson. Que bacana saber que está curtindo nosso conteúdo e que os grupos de pedais do ES estão crescendo e aprendendo com a Pedaleria. Todos nós aprendemos juntos e compartilhamos informações úteis pra todo mundo. Grande abraço!

      Responder
  5. Marcus Vinícius

    Tive uma Caloi antiga ( quadro de ferro), coloquei guidão de DH, com sistema Shimano Deore, quando ia para praia, me sentia como Lance Armstrong hahaha.
    Gosto demais das suas matérias e só tenho a agradecer por muitas dicas que resolveram alguns problemas do passado que venho tendo no presente!
    Forte abraço

    Responder
    • Fernando Campoi

      Olá Marcus. A gente fica super feliz sabendo que o conteúdo é útil e agradável pra você. E olha lá que bacana, sempre temos histórias bacanas para relembrar. Outro dia eu mesmo estava num momento retrô lembrando de uma Nishiki vermelha que eu adorava. :) :):) Grande abraço!

      Responder
  6. Eclesio Lopes de Souza

    To ligado nas dicas!!!
    Forte abraço.

    Responder
  7. wilson guilherme

    fala Edu,beleza.
    bom comprei uma caloi andes e fiz algumas mudanças nos dois câmbios que agora shimano tourney pedivela reduzido shimano,passadores rapid fire shimano,so manti original o garfo mas percebi que as trocas não são tao perfeitas pode ser problema de ajuste ou eu não estou sabendo trocar direito abraço

    Responder
    • Edu Capivara

      Olá Wilson, tudo certo?
      Normalmente os componentes relacionados a trocas de marchas indexadas (onde cada clik corresponde a uma mudança) utilizam peças e desenhos específicos e compatíveis entre sí até um determinado ponto. Existem alavancas de mudança de 6, 7, 8, 9, 10 e 11 velocidades, e cada uma utiliza corrente específica. Quanto mais marchas, mais fina é a corrente, são frações de milímetros, mas ajuda a bagunçar a mudança se for a peça errada. Verifique a compatibilidade entre seus componentes no catálogo Shimano 2014: http://bike.shimano.com.br/publish/content/global_cycle/pt/br/index/suporte/catalogo_2014.html
      a partir da página 190. Normalmente as dificuldades de ajuste de marchas ocorrem nos pinhões menores do cassete.
      Boa sorte, abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  8. Fabiano

    Boa Edu

    Ao acionar a alavanca do rapid fire para subir marcha ela não aciona o cambio. Como se tivesse pulando ou escapando. Apos algumas tentativas ai sim ela puxa o cabo. Oque fazer para voltar a funcionar normalmente?

    Responder
    • Edu Capivara

      Olá Fabiano, tudo certo?
      Pelo que descreveu, o cabo está frouxo. Use o esticador de cabo da alavanca Rapidfire, vá esticando aos poucos e tentando fazer a mudança (com a roda traseira no ar, pedalando com a mão). Ajuste até que faça a mudança exata, sem ficar fazendo barulho. Siga este tutorial para outros ajustes – http://pedaleria.com/regulando-o-cambio-traseiro/ e este vídeo para facilitar a visualização dos problemas mais comuns – http://pedaleria.com/ajuste-dos-cambios/
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  9. Adriano

    Olá novamente, Edu.
    Você pode me informar como troco os cabos de aço das alavancas Shimano Acera sl-m360? É bom saber como trocá-los, mesmo com pouco tempo de uso.
    Obrigado.

    Responder
    • Edu Capivara

      Olá Adriano, tudo certo?
      Todas as alavancas Rapidfire tem a entrada do cabo praticamente no mesmo ponto, pouco acima da alavanca inferior (a maior) em cada conjunto. ë um pequeno parafuso Philips de plástico, com abertura em meia volta. Olhando as alavancas pela linha longitudinal das manoplas, (como se quisesse olhar dentro da manopla) há o acesso a esta “porta”. Para trocar os cabos, coloque os câmbios em posição de descanso das molas, coroa menor e pinhão menor, solte os cabos nos câmbios e faça o terminal do cabo (cabeça) sair por este acesso que descrevi. Se os câmbios estiverem engatadas em qualquer outra marcha, o terminal de cabo ficará escondido e inacessível, pois ele gira esticando o cabo.
      O trabalho é bem simples, monte usando graxa e ajuste a tensão dos cabos nos esticadores de cabo das alavancas Rapidfire.
      Abraços’
      Edu Capivara

      Responder
  10. Edgar

    E ai eduardo eu desmontei meu rapid fire shimano alívio e não sei remontalo ! Nao sei a sequencia das peças ! Poderia me informar com explicação e fotos ?

    Responder
  11. Rodrigo Oliveira da Silva

    Uma dúvida; o trocador Shimano Zee Sl m640 10v seria compatível com um câmbio Sora Ss Rd-3500 cage curto 9v e cassete shimano HG 8v 12/32d? Será que a passagens de marchas ‘casariam’ perfeitamente com uma regulagem no câmbio Sora? Estou usando um trocador Sram X7 8v, Câmbio Sora 9v e k7 8v e a troca de marchas não se ‘casam’, percebi que, sram não é compatível com Shimano – Sram só com Sram, Shimano só com Shimano, aí me vem a dúvida, o trocador Zee por ser da shimano teria compatibilidade com os já citado?
    Obs: Acompanho seus vídeos no youtube, top demais cara, parabéns para equipe!

    Responder
    • Edu Capivara

      Olá Rodrigo, tudo certo?
      Tem muita coisa que pode dar errado nessas misturas, uma delas é a corrente, que deve respeitar o número de marchas do conjunto. Quem manda na operação é a alavanca de mudança, ela é que determina através dos Clicks (indexação) quanto puxar de cabo pra fazer o câmbio avançar, e a quantidade de cabo puxado é diferente para 7, 8, 9 e 10 velocidades. A alavanca Zee irá funcionar bem qualquer câmbio da Shimano, o importante é ter cassette e corrente de 10velocidades, eles sim irão responder na medida de cada mudança. Geralmente os câmbio tem mais abertura (alcance) do que a soma dos cogs do cassette, e por falta de regulagem as correntes caem para dentro ou para fora avançando mais que o necessário.
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
      • Rodrigo Oliveira da Silva

        Vlw Edu, muito obrigado pela explicação, a melhor que tive. Vou mudar tudo para 10v.
        Sucesso!!!

        Responder
        • Edu Capivara

          Valeu Rodrigo!
          Abraços;
          Edu Capivara

          Responder
  12. ricardo

    O sistema que tenho na bicicleta é o mais simples, posso mudar para este rapid fire sem problemas? Ou necessito trocar cambio e outras peças?

    Responder
    • Edu Capivara

      Oi Ricardo, tudo certo?
      Existe Rapidfire para 7 velocidades em diante, se a sua bike é de 18 marchas, ela utiliza alavancas de mudança de 6 velocidades. Para instalar o Rapidfire você teria que trocar a transmissão para 7 velocidade (na catraca), trocando também a corrente. Outra opção seria utilizar as alavancas EZ Fire, também para 8 velocidades (24 marchas), porém o custo é menor que a série Rapidfire.
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  13. Herllon

    Ola Edu, estou com um problema no passador do meu câmbio dianteiro, qdo estou na coroa maior e qro psssar p a média eu aciono a alavanca e tem momentos q ao acionar ela ja cai na coroa menor e n na média como eu qria, ja mandei regular e aparentemente ficou bom mas dias depois voltou a fazer isso, lembrando q tem hora q ela troca certo e as vezes ela já pula para a coroa menor, o meu passador e um ef40, o q vc acha q pode ser? Obrigado.

    Responder
    • Edu Capivara

      Oi Herllon, experimente lubrificar o passador com algum spray desengripante, isso é falta de lubrificação na catraca interna do Rapidfire.
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  14. Iran Meireles

    Oi Edu tenho passadores alívio de 9 velocidades. Posso usar com câmbio Altus de 8 velocidades.. Obrigado

    Responder
    • Edu Capivara

      Oi Iran, pode sim! Quem manda na “coisa” é a alavanca de mudança, ela determina quanto de cabo será puxado em cada mudança, o câmbio obedece. É só ajustar os parafusos dos batentes L e H do câmbio para alcançar todas as marchas.
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  15. Iran Meireles

    Obrigado Edu sempre vou acompanhar suas dicas sobre bikes.

    Responder
    • Edu Capivara

      Valeu Iran, obrigado por acompanhar!
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  16. Iran Meireles

    Oi Edu não deu muito certo. A 1/2/3 macha não está engatando legal. As outras cincos tá legal

    Responder
    • Edu Capivara

      Oi Iran, o câmbio está alcançando as marchas, esse é o ponto de partida!
      A regulagem é que não está funcionando, e neste caso, outros fatores podem causar o problema, corrente velha, gancheira desalinhada, já checou isso?
      Veja este vídeo: http://pedaleria.com/gancheira-desalinhada/
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  17. Iran Meireles

    Olá Edu tudo bem meu Brother? Consegui deixar entrando todos bem… Ficou um clique morto. Obrigado mais uma vez bom final de semana parceiro

    Responder
  18. Antonio Marcio

    Boa noite Edu, tenho um passador Rapid Fire Shimano Acera St-ef51-a7r 21v, estou pensando em mudar o cubo da bike para usar cassete de 8V da Shimano Acera, preciso também mudar o passador ou tem como fazer um ajuste para que ele atenda a 8V, uso o Cambio Traseiro Shimano Acera RD-M360 MTB.

    Responder
    • Edu Capivara

      Oi Antônio, seu cubo é para catraca? O câmbio e a corrente são as únicas coisas que você pode manter. Dá pra regular a abertura (batentes) para alcançar 8 velocidades.
      Comprar:
      Cubo traseiro com Freehub para 8 velocidades;
      Cassette de 8 velocidades;
      Alavancas de mudança Rapidfire 8 velocidades.
      Temos em nossa loja online as alavancas Rapidfire: http://loja.pedaleria.com/alavanca-de-mudanca-rapidfire
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  19. tadeu

    boa tarde estou precisando de uma dica tenho uma bike caloi sk com trocadores com botao para retorno de marchas da schimano porem troquei por rapid fire da marca sdw consegui regular o cambio trazeiro mas o cambio dianteiro nao da regulagem ou nao estou fazendo direito quando subo marcha para coroa do meio o cabo estica de tal maneira que e impossivel passar para 3 coroa
    gostaria de saber se e a marca do rapid fire nao e de boa qualidade ou e o cambio dianteiro que nao e compativel
    o conjunto de cambios e torney se puder me responder agradeço

    Responder
    • Edu Capivara

      Oi Tadeu, é uma marca desconhecida, mas a pior parte é sempre o câmbio traseiro, e esse você conseguiu regular!
      Desmonte o dianteiro e jogue um spray desengripante dentro da alavanca, pode ser que melhore.
      Os câmbios fazer o que as alavancas mandam, problemas podem acontecer com a indexação (ou falta dela), como correntes e cassettes (ou catracas) incompatíveis com a “puxada” de cabo feito pelas alavancas de mudança.
      Boa sorte!
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  20. tadeu

    boa tarde edu, muito obrigado pelas dicas realmente a puxada da alavanca rapid fire nao esta compativel com o cambio dianteiro, por ser uma marca paralela vou esperar um pouco e depois troco o conjunto todo e coloco um rapid fire de boa qualidade.
    agradeço pela atençao ate mais……………………………

    Responder
    • Edu Capivara

      Ok Tadeu, se precisar de alguma orientação ou mesmo as peças, temos em nossa loja online. loja.pedaleria.com

      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  21. Alceu Souza

    Edu brother boa tarde.

    Estou pesquisando sobre qual modelo de cambio e passadores para adquirir para a minha bike,algo que trocasse de marchas rápido e com precisão! e gostaria de sua opinião.
    A minha bike e aro 26 de 21 velocidades com freio a disco,sendo que não e hidráulico.
    Gostaria que você me indicasse modelos que não fossem muitos caros,pois meu pedal e de boa com percursos de 60 km,as vezes mais,um misto pela cidade e estradas de barro com direito a algumas trilhas que me amarro em fazer!

    Um grande abraço e sucesso.

    Responder
  22. Thiago Queiroz

    Ola pessoal, tudo bem? Existe diferença entre o passador COM e SEM manete? Muda o desempenho? Quais os pontos positivos e negativos dos dois? Qual vocês recomendam? abç

    Responder
    • Edu Capivara

      Oi Thiago, Se você tem uma bike com passadores e manetes integrados, e ela tiver freios V-brake, você pode trocar por freios a disco mecânico (a cabo), e manter tudo como está.
      Agora, na mesma situação, se o freio a disco for hidráulico (já vem com manetes), você perderia as alavancas de mudança, pois são unidas as manetes.
      Atualmente todas os grupos bons vem com manetes e alavancas de mudança desconectáveis, assim dá pra fazer o upgrade sem perder nada, e apenas os básicos (TZ, TX e EZ Fire) ainda são integrados. Estas são aquelas alavancas que tem os botões de acionamento bem separados, o dedo indicador fica em cima, perto da manete, e o polegar é em baixo.
      Fora a configuração e o visual, o funcionamento é similar.
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  23. Denilson Martins

    Comprei um bike Gonew Endorphine 4.1 (Netshoes), ela veio com (Passador: ShimanoRS25/ Dianteiro: Power FD-10TT/ Tras.:Shimano RDTZ50), gostaria de colocar rapidfire e encontrei um no mercado livre (yamada) com um bom preço. Compensaria realizar a troca?

    Responder
  24. Claudio

    Edu, eu tenho trocadores shimano deore, mas, eles tem 9v no traseiro e 3v no dianteiro, bom eu queria saber se posso colocar eles em uma bike com k7 de 7v. Eu irei enfrentar algum problema em relação a regulagem e tudo mais?, o meu câmbio é 7v também.Ps: Canal muito bom e site melhor ainda muito bem complementado e tudo mais, tenho 14 anos e já to nesse mundo kkkk “paixão “

    Responder
    • Edu Capivara

      Oi Claudio, é tão legal receber esse tipo de pergunta (coerente), de um ciclista tão novo, que bom que está nesse mundo!
      No seu caso é melhor comprar um cassette de 9V e uma corrente de 9V, pois o freehub é o mesmo, não precisa trocar o cubo, e os câmbios obedecem o que as alavancas mandam ele fazer.
      Não dá para usar apenas a alavanca de 9V no cassatte de 7V, as corrente e os espaços entre as engrenagens do cassette são diferentes, e a quantidade de cabo puxado pelas alavancas segue essa proporção, e dessa forma, não iria indexar as mudanças, fica parecendo um câmbio desregulado.
      No Mercado Livre você consegue cassettes de 9V com bom preço.
      Boa sorte, abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  25. Claudio

    Se eu colocar 2 coroas a mais no k7 resolveria o meu problema ?

    Responder
    • Edu Capivara

      Não dá pra fazer isso Claudio, você leu minha resposta?
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  26. Edu moreira

    Olá, comprei uma bike com esse sistema rapid fire. Ao passar a marcha dianteira da 1 para 2 ou vice versa, a mudança demorava a ocorrer. Fui a uma loja e me informaram que nesse sistema deve apertar a alavanca, e aguardar até ouvir um barulho no câmbio. Essa informação procede? Não era necessario apenas dar um toque na alavanca?

    Valeu..

    Responder
    • Edu Capivara

      Oi Edu, é para funcionar como falou, 1 “click” 1 mudança. Por isso se chama Rapidfire, tem que mudar rápido.
      Pode ser regulagem, cabo frouxo…
      Boa sorte!
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  27. Lucas

    Opa! tudo bem? Parabéns pelo canal!!!
    Tenho uma bike de 21v. Quero dar um Up na relação de marchas gastando o menos possível. Se eu colocar uma catraca de 8v ou 9v, obrigatóriamente terei que trocar os trocadores (são rapid fire). Ou eu consigo colocar 8v no trocador de 7v???

    Abraço

    Responder
    • Edu Capivara

      Oi Lucas, cada grupo com seu trocador de marchas, não dá pra adaptar ou misturar.
      As correntes de 7 e 8 velocidades são as mesmas, mas a de nove é diferente!
      Se você partir pra 9 velocidades, terá que trocar alavanca, cassette e corrente.
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  28. Lucas

    Opa! blz?
    EU tenho um rapid Fire Deore que estragou. eu abri e ví que tem uma mola quebrada. Existe algum lugar no Brasil que arruma isso??
    Detalhe, eu não consegui montar de novo. hehe

    Abraços

    Responder
    • Edu Capivara

      Oi Lucas, você mexeu em vespeiro, rsrsrsrs.
      Tem que ser relojoeiro ou artista Chinês pra entender os Rapidfire, se bem que os atuais tem menos peças que os primeiros. Desmontei um 300LX da década de 90, montei novamente e com a sobra de peças fiz 4 robozinhos!
      Não conheço ninguém pra indicar, mas no Youtube tem muitos tutoriais, se não estiver faltando peças, dá pra montar. Você tem que conseguir a mola, ou fazer uma.
      Boa sorte!
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  29. Carina

    Oi, consigo colocar esse trocador de 3 velocidades para usar com cubo nexus 3V?

    Responder
    • Edu Capivara

      Oi Carina, os trocadores dianteiros e traseiros “normais” não podem ser usados com o Nexus, a quantidade de cabo puxado nas trocas não corresponde.
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  30. Joaodiasjesus

    comprei uma bicicleta usada mas quando mudo as mudanças frontais volta sempre ao nr 1. basicamente nao prende na posiçao 2 ou 3.

    Responder
  31. Claudio Márcio,

    Olá parceiro tenho uma dúvida e creio que você poderá me orientar. Minha bike atualmente possui 27 marchas. Tenho interesse em colocar um cambio traseiro ZEE, já sei que devo colocar um k7 e corrente de 10v e também trocar o rapid fire. A duvida é, funcionaria com meu movimento central com tres coroas ou não > …. grato.

    Responder
    • Edu Capivara

      Oi Claudio, nas pedivelas FSA existe ligeira diferença na distância entre as coroa para modelos de 9 e 10 velocidades, não tive oportunidade de medir nas pedivelas Shimano, mas dá pra fazer o teste na mão mesmo, verificando nas coroas se a corrente agarra ou encaixa e desencaixa facilmente nos dentes.
      Boa sorte!
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  32. JEAN CASSIO

    tenho um passador altus de 9v e meu cambio é um acera shadow de 9v porem comprei um cambio deore 9v um pedivela Deore M590 44 Dentes 9 Velocidades e um Cassete Shimano CS-HG400 9 Vel 12/36D, preciso trocar os passadores e cambio dianteiro que também é um altus

    Responder
    • Edu Capivara

      Não precisa Jean, sendo tudo Shimano e tudo 9 velocidades, dá pra misturar os grupos!
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  33. lucas

    oi edu capivara tenho uma duvida, eu tenho um rapid fire na minha bike mais ele não aceita em trocar de marchas, eu aperto pra ele trocar de marchar mais tipo vai até um número de marchas e não troca mais, e também meu cabo do câmbio esta um pouco solto. será que se eu apertar mais um pouco o cabo do câmbio rapid fire ele volta a funcionar ?

    Responder
    • Edu Capivara

      Sim Lucas, é isso mesmo, o cabo está frouxo. Você pode estica-lo usando os 2 esticadores (para não fazer tudo só em 1).
      Faz assim: coloque no menor pinhão atrás, com a roda traseira no ar (pede pra alguém te ajudar), vá pedalando e esticando o cabo no esticador do Rapidfire e do câmbio, até ele tentar subir 1 marcha. Volte um pouco o esticador até não haver barulho de tentativa de troca de marcha. Pronto, agora ele fará as trocas até o fim, desde que os batentes (parafusos L e H do câmbio estejam na posição correta).
      Talvez tenha que fazer pequenos ajustes nos esticadores, apertando e soltando de acordo com a necessidade.
      Boa sorte!
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  34. rafael

    Edu, tenho uma bike de 24 velocidades. Posso utilizar um cambio traseiro de 9v,em uma catraca e passadores de 8v?

    Responder
    • Edu Capivara

      Oi Rafael, pode sim, os câmbios obedecem o que mandam as alavancas de mudança, claro que cassette e corrente devem ser para estas quantidade de marcha.
      Pode colocar sem receio!
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  35. Juliano

    Boa noite, Edu me ajuda! estou montando uma bike para a esposa, e os componentes seriam estes:Rapid-fire Alavanca Shimano Sl-m310 8v, Cassete Shimano Acera Alivio Cs-hg41 8v Mega Range 11-34,Câmbio Traseiro Shimano Altus Rd-m370 9v Sgs, Cambio Dianteiro Shimano Altus Fd-m313 7/8v Abraç Alta,com corrente compativel com 8v, estou montando assim para sair um pouco mais em conta, minha duvida é este aparelho traseiro funciona com 8v ? Desde já agradeço!

    Responder
    • Edu Capivara

      Funciona sim Juliano, a alavanca de mudança é quem manda, o câmbio obedece, rsrsrsrs, respeitando cassette, corrente e alavanca de mudança, tá tudo certo!
      Boa sorte!
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  36. Rafael Venzon

    Bom dia Edu. Tenho um MTB 24v grupo Shimano Alivio. Eu gostaria de utilizar uma corrente KMC gold 9v vazada, teria algum problema? Pois não encontro corrente KMC 8v nesta configuração….e a Shimano que utilizo mesmo com minuciosa manutenção e troca dentro dos limites não está apresentando o resultado esperado…Aguardo sua resposta. Um forte abraço e parabéns pelos tópicos excelentes sobre manutenção.

    Responder
    • Edu Capivara

      Oi Rafa, ao contrário não daria pra usar, rsrsrsrs, corrente de 8V em grupo de 9V, ela seria muito grossa!
      A corrente de 9V é mais estreita, mas no cassette de 8V pode funcionar, seria necessário testar o encaixe dela nas coroas, se não prender, tudo certo.
      Será que consegue fazer esse teste em uma loja que tenha a corrente, só tirar da caixa e testar em 8, 10 cm de coroa.
      Boa sorte!
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
      • Rafael Venzon

        Ola Edu. Obrigado pela resposta. Fiz o teste e deu certo. Instalei na bike e funciona perfeitamente, muito melhor!!!! Ficou mais suave e as trocas perfeitas..fica ai a receita. Muito grato pela atenção.

        Responder
        • Edu Capivara

          Muito bom Rafa, parabéns!
          Abraços;
          Edu Capivara

          Responder
  37. Rafael Venzon

    Resumindo , utilizar corrente 9v com cassete 8v… Sei que a corrente 9v eh mais estreita, mas mantem o mesmo passo nominal de 1/2 polegada. 12,7mm. Agradeço a atenção grande oráculo das bikes!!!

    Responder
  38. luis gabriel

    olá tenho estou montando uma bike tenho o cambio shimano claris 8V ,comprei um rapidfire shimano acera m390 9v fui comprar o cassete de 8v e o mecanico disse que tem que ser cassete 9v esta certo? ou posso usar um cassete de 8v????

    Responder
    • Edu Capivara

      Não pode Luis, a distância entre os cogs do cassette é diferente nos modelos 8, 9, 10 e 11, da mesma forma as alavancas de mudança “puxam” segmentos de cabo de tamanhos diferentes, de acordo com a distância entre os cogs.
      As únicas compatíveis são as de 7 e 8 velocidades, mesma corrente e “puxada” de cabo.
      Abraços;
      EdU Capivara

      Responder
  39. Marco Ribeiro

    Fala Edu. To muito interessado numa bike champion deore da oggi com 30v..Mas gostaria de saber se é uma bike legal. Se você conhece me dá uma dica aí. Seus vídeos são excelentes. Valeu obrigado.

    Responder
    • Edu Capivara

      Oi Marco, todas as bike de hoje são muito parecidas, respeitando o mesmo grupo e suspensão. A escolha então passa a ser pela cor, desenho, gosto por certa marca e claro, o melhor preço.
      Hoje praticamente todas as bikes do mundo são feitas em 4 fábricas na China, até as que a gente acha que são nacionais, rsrsrsrsrs.
      Boa sorte!
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  40. André

    Olá, tudo bem? Minha dúvida é a seguinte, tenho o rapid fire shimano ef 41, é normal ao passar marcha do lado direito com o polegar (o da catraca) ir mais de uma de uma vez? Se eu apertar sem dosar esse aperto, troca umas 3 de uma vez. Eu tinha, a uns 12 anos atrás um outro modelo da shimano todo em alumínio que só passava uma de cada vez. Tem algum ajuste pra mudar isso? Obrigado.

    Responder
    • Edu Capivara

      Oi André, esse recurso de múltiplas mudanças é ótimo, ele atende a necessidades das trilhas e provas, a possibilidade de reduzir rápido mais marchas ao mesmo tempo, pois na maioria das vezes o bike’r só vê o nível da próxima subida quando está muito perto, ao fazer uma curva por exemplo, aí não daria tempo de reduzir o suficiente (de 1 em 1) pra enfrentar esse inesperado.
      Para uso comum, você deve se acostumar a apertar as alavancas na medida exata, apenas 1 passagem.
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
      • André

        Estou me acostumado com as passagens de marcha. Mas só por curiosidade, existe algum modelo que não seja assim? Parabéns pelos posts e vídeos, estou sempre acompanhado.

        Responder
  41. Tiago

    Opa!
    Recentemente troquei o grupo da minha bike. Tinha o DEORE 20v, e migrei para o XT 8000 11v. Porém notei que a alavanca de troca de marchas, exige muito mais força no dedo (mesmo nao instalado na bicicleta) que o deore que tinha antes (que por sinal era muito macio). Essa alavanca do XT 8000, é assim mesmo (dura), ou pode ser esteja com defeito?

    Responder
    • Edu Capivara

      Oi Tiago, é melhor instalar na bike pra verificar isso, qualquer coisa, entre em contato com a Shimano. Não notei dureza nas que experimentamos.
      Boa sorte!
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  42. Rodrigo Queiroz

    Edu infelizmente sofri um pequeno acidente e acabei perdendo meu cambio traseiro da Shimano como não tinha dinheiro tive que colocar um muito inferior e agora as trocas de marcha não estão muito precisas o que devo fazer?

    Responder
  43. Josy

    Olá Edu tudo certo ? E o seguinte , Chegou hoje minha bike na caixa mas pré montada então tivemos que montar apenas a roda dianteira o guidão e o celim, ok não foi difícil mesmo pq nos baseamos em seu vídeo . Aparentemente ficou tudo certo , sendo que a Alavanca Rapid Fire yamada não faz clik fica bobo bobo parecendo estar frouxo .O que pode ser ?

    Responder
    • Edu Capivara

      Oi Josy, os comentários sobre esta marca não são muito bons, se possível, troque por Shimano ou Sram, o funcionamento é mais confiável.
      Boa sorte!
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  44. IATA ANDERSON

    Boa tarde Rodrigo,
    Meus passadores são alívio um deles perdeu o click e ficou macio e não está mais passando marcha achei no início q era somente o Cabo q arrebentou mais não é não sei o que fazer vc pode me ajudar??

    Responder
    • Edu Capivara

      Oi Iata, pode ter quebrado ou ter travado aberto, tente lubrificar com um spray desengripante, por dentro ela tem várias engrenagens e garras que podem estar secas – nunca lave a bike com máquinas de alta pressão.
      Boa sorte!
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  45. Cássio

    Olá Edu, estou com problema no Display Indicador de Marchas, tenho um rapid fire Shimano Altus e o ponteiro indicador do câmbio dianteiro não está funcionando. As trocas de marchas estão ok, somente o indicador que não muda, você recomenda eu lubrificar, desmontar ou deixar quieto?
    Obrigado!!!

    Responder
    • Edu Capivara

      Oi Cássio, esses displays são mera referência, não dá pra ficar acompanhando o que marca, seria até perigoso!
      Você pode deixar assim, desmontar para verificar o que houve, e dependendo do modelo, até removê-lo, pois não impede o funcionamento das mudanças.
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  46. Rodrigo Queiroz

    Obrigado Edu deu certo eu tive que trocar a gancheira agora está show abraços

    Responder
  47. wagner

    Ola Edu tenho uma duvida? posso eu usar um passsador de 9v num cambio mega ramger de 8v com um k7 de 9v comun? Acho que se o cambio aguenta 32 dentes no k7 de 8v(mega ramger) pq ele nao aguentaria 32 dentes de um k7 comun de 9v sendo que tenho cabo para isso e um passador de 9v? Desde ja grato a atençao!!

    Responder
    • Edu Capivara

      Pode usar sim Wagner, inclusive o cassette de 9 no lugar do de 8 velocidades. Até 10 velocidades, todos os freehubs são do mesmo tamanho!
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  48. Carlos E. Fagundes

    Boa tarde. Possuo o câmbio, mas o visor transparente do trocador do câmbio traseiro quebrou. Onde posso encontrar?
    Grato

    Responder
    • Edu Capivara

      Oi Carlos, esse tipo de peça você só acha nos “desmanches”, rsrsrsrsrsrs, aquelas caixas de peças velhas e quebradas nas bicicletarias, a Shimano não vende peças internas, mecanismos ou acabamentos, só a peça inteira, e essa é inda pior, só encontra o par.
      Boa sorte, abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  49. Gabriel Oliveira

    Olá capivara! Tenho na minha bike o passador manopla, queria mudar para o rapid fire, fui em uma bicicletaria pra ver quanto que ficaria a mudança e o cara nem olhou direito a bike e ja disse que teria que trocar os dois cambios(traseiro da yamada e dianteiro da sunstar), é verdade isso ou ele ta só querendo me enrolar pra arrancar mais grana?
    Obrigado pela atenção, adoro o seu trabalho e o canal no youtube! ;)

    Responder
    • Edu Capivara

      Oi Gabriel, na pratica o Yamada deveria funcionar, não gosto da marca, mas os câmbios fazem o que as alavancas mandam, elas determinam quanto cabo puxar em cada troca de marcha. Para 21 ou até 24 marchas, esse câmbio deve funcionar, futuramente você troca.
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder
  50. Dalvan Santos

    Boa tarde Edu, minha bike ta com cambio dianteiro e traseiro yamada e passadores rapid fire para 21 marcha tambem yamada, porem minha catraca é para 18 marchas, com muita luta consegui regular pra ficar passando as marchas de uma forma que a corrente não caia nem pra cima nem pra baixo, quero por uma catraca de 21 marcha e gostaria de saber, se preciso trocar também corrente e coroa? como moro em zona rural não tem nenhum mecânico de bicicleta na região, então eu mesmo dou manutenção na minha bike, o canal pedaleria ta me ajudando muito nesta questão.
    Forte abraço

    Responder
    • Edu Capivara

      Oi Dalvan, obrigado por acompanhar nosso trabalho, espero que te ajude nessas manutenções!
      Sua bike é tudo 6 velocidades, catraca, alavanca e corrente, pra colocar o conjunto de 7 velocidades (totalizando 21 marchas), será necessário trocar todos esses itens.
      Se as coroas não estiverem muito gastas, dá pra mantê-las sim.
      Espero que consiga todas as peças e ajustes!
      Abraços;
      Edu Capivara

      Responder

Deixe uma resposta